Notícias

28/04/2010 - Itaú - Unibanco
Inscrições para o bolsa auxilio-educação começaram na terça-feira 27 no Itaú/Unibanco
por Feeb-PR

Inscrições para o bolsa auxilio-educação começaram na terça-feira 27 no Itaú/Unibanco
Prazo será de 15 dias. No dia 29 tem nova rodada de negociação o movimento sindical quer debater a PLR dos trabalhadores
Uma longa rodada de negociação sobre vários temas importantes para o trabalhador. Assim foi a reunião entre representantes dos bancários e da direção do Itaú Unibanco na sexta-feira 23.

Foram acertados critérios para concessão das 4 mil bolsas do auxílio-educação no Itaú Unibanco. As inscrições podem ser feitas a partir desta terça-feira 27, via portal na internet ou junto ao RH. São abertas a todos os funcionários, independente da carga horária. As bolsas contemplarão 11 parcelas, retroativas a fevereiro passado. Dentre os critérios de desempate estão a remuneração, o tempo de banco, a idade, o número de dependentes, além do ano do curso.

PCR e PLR devem estar na pauta da nova rodada de negociação marcada para quinta-feira 29.

Plano de saúde
Ficou estabelecida a premissa de que a rede dos convênios médicos somada, do Itaú e do Unibanco, não pode ser reduzida após a fusão. Os bancários devem passar ao Sindicato dados sobre descredenciamentos, para que possa ser cobrado o banco.

Ainda sobre os planos de saúde, o movimento sindical lembra que pelo acordo feito em março, os empregados não têm mais de pagar co-participação. E o banco não deve cobrar dos trabalhadores fatura anterior.

O movimento sindical propôs que Itaú Unibanco assuma o compromisso de praticar o que havia de melhor entre os planos de saúde dos dois bancos. Os diretores da instituição ficaram de dar uma resposta.

PCS
A direção da empresa informou que já foi feito o processo de adequação de caixa, escriturário e do atendimento telefônico. Mas o movimento sindical está recebendo denúncias de que na estruturação do novo modelo de agências do Itaú há bancários com redução salarial. Trabalhadores transferidos de departamentos também têm problemas de salários diferentes na mesma função. Há casos de supervisores que ganham menos que subordinados.

O banco diz que nada disso acontece e o movimento sindical pede aos bancários que enviem mensagem com informações sobre mudanças de cargo com impacto negativo na remuneração fixa ou variável, para que possa ter elementos para debater o PCS com a empresa.

Emprego
O movimento sindical cobrou e o banco informou que 2.350 funcionários passaram pelo centro de realocação em 2010. O banco está ganhando com a fusão e não tem razão para dispensas injustificadas. (Fonte: COE Itaú/Unibanco)

 

  • Rua Barão de Monte Alto, 70, sl. 307, Centro, 36880-000 Muriaé / MG
  • (32) 3722-3336 / (32) 3722-3734
© 2015 SEEB Muriaé - Todos os direitos reservados